sábado, 10 de abril de 2010

Entrelaçada


Em alto e bom som pude ouvir sua voz
Estava a me chamar
Esbravejava como nunca
Nunca esperava de te encontrar assim
O tempo passou e o amor esfriou
Eu procurava a chama que havia dentro de você e não a encontrava
Era outra que estava em seu pensamento
À outra que havia claramente roubado o meu lugar no seu coração
Sempre soube que um dia isso iria acontecer
Mas não imaginava que seria assim, tão cedo
Eu gritava seu nome com toda minha força
Mas quem foi que disse que você podia me ouvir?
Você foi embora sem deixar rastros
Mas esqueceu de catar os pedaços que você fez do meu coração
Você ao menos poderia ter avisado que ia sair da minha vida
Toda vez que ouço aquela música, a nossa música, penso em você
Na verdade penso em você duas horas e te esqueço 5 minutos
E não era que você queria não é?
Não era em mim que você pensava
Mas era eu que sofria
Era eu que te amava em segredo por tanto tempo, lembra?
Foi eu que chorei por ti
Eu que te amei desesperadamente a cada momento
Era o meu coração que você estraçalhava, batia como carne moída
Foi meu coração que você deixou pelo caminho quando se foi
Se foi e levou parte de mim com você
Me deixou a beira de um poço sem fundo, de um lago de solidão                                                                                            

Me deixou a mercê daquele vento, o vento que eu mais temia
Deixou que ele me fizesse voar pra longe de você, longe do seu coração
E hoje estou assim entrelaçada pela vida e a morte no vale da solidão profunda, dentro de um rio que me afoga.
Volta pra me salvar.


                                           Cynthia C.

3 comentários:

Maldito disse...

Nossa! tanto assim??

Cynthia Câmara disse...

É ):

mithy disse...

cyntia como é que você concegue fazer um blog assim? com esse fundo estilo madeira? se quizer reponder no meu blog o link está aqui http://ticialeticia.blogspot.com/ ai você manda a resposta onde tem uma pagina no meu blog q é (mensagem)ai você diz a reposta se quizer ok...

http://ticialeticia.blogspot.com/

Postar um comentário